paciente com amidalite

Amidalite: quando eu devo operar?

O que é?

Também chamada de amigdalite, é a inflamação das amídalas (gânglios localizados na parte superior da garganta).

A função das amídalas, no entanto, é a dispersão de bactérias e germes que possam causar infecções.

Essa inflamação é muito dolorosa e causa no paciente dificuldade em falar e comer.

Quais são os sintomas?

Os sintomas são geralmente dores de garganta, febre, dificuldade de engolir, falta de apetite e hálito forte.

Todavia, em casos mais sérios pode haver inchaço do pescoço.

A doença costuma durar poucos dias, contudo, é comum que o paciente volte com os sintomas constantemente.

O que causa amidalite?

A doença pode ser causada por vírus (o que é mais comum nas crianças), por bactérias (acomete mais jovens e adultos), ou pode se dar pela associação dos dois agentes.

Como ocorre a transmissão da doença?

A transmissão acontece após o contato com a saliva de uma pessoa com o vírus ou bactéria.

O contato pode ser com um bocejo ou tosse, ou até mesmo com o simples ato de cumprimentar alguém.

Como é feito o tratamento?

O tratamento pode ser feito através de medicamentos e cirurgia (de remoção dos gânglios) em casos mais graves.

Qual o especialista responsável pelo trato da amidalite?

O especialista é o otorrino, porém, geralmente o clínico geral e o pediatra são os médicos que encaminharão o paciente ao otorrino.

Quando é indicado realizar a cirurgia de remoção?

A cirurgia não apresenta riscos ao paciente, porém, como todo procedimento, o uso de anestesias e a mudança fisiológica que o corpo sofre são questões a serem levadas em conta quando optar pela cirurgia.

Realizar a cirurgia ou não depende muito do caso de cada paciente, porém, há contraindicações para pacientes com anemia ou com má formações na boca ou maxilar.

É verdade que retirar as amídalas ocasiona uma diminuição do sistema imunológico?

Por se tratar de uma mudança fisiológica do corpo, é comum que de início reaja com a falta dos gânglios, porém, a cirurgia, de forma geral, retira apenas 2 amídalas o que não gera consequências maiores.